• Water Production Connections

Perfil da Pesquisadora: Katrina Mullan

Editado por Cassie Sevigny

Crédito da foto: Cassie Sevigny

O projeto Conexões entre Água e Produção Rural (CAP) investiga se e quais agricultores adaptam seus sistemas de produção quando experimentam mudanças na precipitação, quais adaptações eles fazem e se essas adaptações reduzem as perdas de renda esperadas quando ocorre a seca. A melhor compreensão dessas respostas informará os esforços das agências governamentais e da sociedade civil para ajudar os agricultores a se ajustarem às mudanças na disponibilidade de água. Este perfil é baseado em uma entrevista com a investigadora principal Katrina Mullan.


Por que e como você se envolveu neste projeto?

Este projeto reúne pesquisadores de diferentes disciplinas, todos com interesses nas relações entre desmatamento, agricultura e água na Amazônia brasileira. Comecei a trabalhar no Brasil como pesquisadora de pós-doutorado em 2009, e depois trabalhei com diferentes membros da equipe atual em vários projetos antes de iniciar este. Todos nós tínhamos o desejo de responder a questões políticas relevantes e a disposição de colaborar além das fronteiras disciplinares para realizar isso. Baseado nesses interesses em comum, identificamos o que era importante entender sobre as consequências das mudanças climáticas e do desmatamento para os agricultores da região amazônica e um plano de como poderíamos combinar nossas habilidades.

Qual é a sua parte favorita de estar envolvido em pesquisa?

Minha parte favorita é quando os pesquisadores trazem seus diferentes conhecimentos e perspectivas para discussões de questões de pesquisa, métodos e descobertas, e isso resulta em uma compreensão mais profunda das questões do que se nós estivéssemos trabalhando sozinhos.


O que tem sido o maior desafio de realizar pesquisas?

O maior desafio para mim é garantir que a equipe siga em frente com as tarefas individuais que compõem o projeto, ao mesmo tempo com uma comunicação frequente entre todos para que alcancemos nossos objetivos de aprender como o clima, os sistemas hidrológico e agrícola interagem entre si e o que isso significa em relação a como as mudanças climáticas e o desmatamento afetam o bem-estar humano. Todos os que trabalham no projeto têm muitas outras coisas acontecendo, então é importante decidir quais aspectos da pesquisa são mais importantes para focar.


O que você aprendeu enquanto participava deste projeto?

Durante a coleta de dados no Brasil, descobri que muitas pessoas na região amazônica, principalmente os jovens, estão preocupados com os potenciais impactos do desmatamento na sustentabilidade da agricultura e querem contribuir com pesquisas que ajudem a identificar formas de manter o sustento e proteger os recursos naturais.


Por que você acha que este projeto é importante?

Muitas pesquisas na Amazônia focam nas consequências globais do desmatamento, enquanto as decisões sobre a proteção da floresta são feitas nacional ou localmente. Este projeto ajudará a entender como o desmatamento afeta o bem-estar das pessoas que vivem na região através do clima e da disponibilidade de água. Nosso objetivo é fornecer informações que possam ser incorporadas nas tomadas de decisões locais e identificar ações que possam apoiar o desenvolvimento minimizando os impactos ambientais negativos.


Follow us on social media:      Instagram      Facebook      Twitter

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter

Connections between Water and Rural Production: Sociohydrological Systems on a Tropical Forest Frontier

Project funded by the National Science Foundation: CNH-L #1825046

A collaboration between:

© 2019 by Salisbury University. Proudly created with Wix.com |  Terms of Use  |   Privacy Policy